Notícias

Quais os motivos da variação de preços da blindagem automotiva?

14/05/2018 - 

Na hora de procurar um serviço de blindagem, nos deparamos com uma grande variação do preço da blindagem automotiva. Esta variação ocorre por uma série de fatores que influenciam diretamente a composição dos custos que formam o preço da blindagem. Fatores como a qualidade e características do material aplicado, qualificação da mão de obra que aplica a blindagem ao veículo, prazo de garantia do serviço, entre outros, são aqueles que interferem substancialmente no preço da blindagem.

De forma resumida e bem objetiva, apresentamos os principais tópicos observados no mercado que interferem diretamente na formação do preço da blindagem. Há de se destacar no entanto, que o processo de blindagem de um veículo, bem como a confecção dos principais materiais empregados, são oriundos de processos totalmente artesanais, ou seja, dependem diretamente da preparação e qualificação da mão de obra aplicada.

1. Blindagem opaca
Basicamente a blindagem opaca é composta por materiais como aço e aramida (tecido com propriedades balísticas). A aramida apesar de tecida no Brasil, tem como base um fio produzido fora do país e portanto, o seu valor final depende não somente da cotação do dólar como também do modelo e fabricante do fio. 

2. Blindagem transparente
Para a blindagem transparente, já encontramos no país uma quantidade maior de fabricantes de vidros com propriedades balísticas, onde apesar de parte da matéria prima utilizada (polímeros) ser importada e também depender da cotação do dólar, a tecnologia e qualidade dos materiais empregados na confecção, a qualificação da mão de obra no processo de fabricação e a qualidade do ambiente de produção, interferem diretamente nos custos de produção dos vidros blindados. Os cuidados no manuseio e a qualidade do material empregado, são fatores determinantes na vida útil dos vidros blindados, principalmente no que se refere à ocorrência da delaminação dos vidros. Todos estes fatores citados, também determinam o prazo de garantia dos vidros e certamente acabam interferindo no valor final do produto.

3. Aplicação da blindagem
Para a aplicação da blindagem (blindadora), o veículo necessita ser desmontado internamente, o que exige mão de obra preparada para a remoção e manuseio dos componentes, para então iniciar o processo de aplicação dos materiais com propriedades balísticas. Este processo de aplicação dos materiais é bastante complexo e artesanal, com modificações muito importantes na carroceria do veículo tais como alargamento dos vãos onde serão aplicados os vidros blindados de portas, engaste e fixação de aço em pontos estratégicos da carroceria, desbaste e adaptação de acabamentos originais que passam a ser fixados de forma totalmente diferente à original, entre outros. Principalmente nesta etapa, verificamos uma total dependência quanto à qualidade da mão de obra empregada, da existência de um processo fabril bastante controlado (Certificação ISO9001 é um bom indicador de processo controlado), além da necessidade da presença de corpo de engenharia que avalia não só as modificações aplicadas ao veículo, bem como as condições de proteção propiciadas pelo projeto da blindagem. Ao término da aplicação do material balístico e após a remontagem de todos os componentes, há de se garantir o funcionamento dos complexos sensores e sistemas eletrônicos do veículo, tarefa que exige mão de obra bastante preparada.

4. Pós Venda
Assim como em qualquer outro bem de consumo, ou prestação de serviços, a garantia obrigatória por lei (Código de Defesa do Consumidor) pode ser aplicada com prazos diferenciados e a estrutura de Pós Venda dos fabricantes de vidros blindados e dos aplicadores de blindagem (blindadoras), são fundamentais para o suporte mais ágil a algum inconveniente detectado após o processo de blindagem.

Enfim, esperamos através desta breve matéria, poder ter auxiliado no esclarecimento sobre os motivos pelos quais encontramos variações tão expressivas na formação de preço de blindagem para um mesmo nível de proteção balística. Como sempre recomendamos, antes de fechar a contratação do serviço de blindagem, visite as empresas que selecionou, conheça os seus processos produtivos, esclareça suas dúvidas e só então decida a quem confiar seu veículo para a aplicação da blindagem. 


Fonte: Blog das Locadoras

Artigos relacionados

  • Take Up! x March x Celta x Uno Saiba +

    A versão de entrada do Up encara March, Celta e Uno, os rivais mais baratos da concorrência Por Ulisses Cavalcante | Fotos Marco de Bari | 15/04/2014

  • Honda diz que vendas de autos  na China em junho subiram 15,8% na base anual Saiba +

    A Honda Motor e suas duas joint ventures locais venderam 70.739 automóveis na China em junho...

  • Fábrica da GM em Gravataí (RS) produz 2,5 milhões de carros Saiba +

    Capacidade do complexo, que faz 14 anos domingo, é de 380 mil carros por ano.

  • Renault apresentará carro-conceito ecologicamente correto Saiba +

    Média de consumo de combustível será de 50 km/l.

cadastre-se e recebas as novidades:
UMA EMPRESA DO Grupo Morada